Ir para o conteúdo

Prefeitura de Cristais - MG e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Segunda-feira , 08 de Agosto de 2022
Acompanhe nossos canais oficiais
Prefeitura de Cristais - MG
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
09
09 MAI 2022
679 visualizações
OBRA DO MEMORIAL DO QUILOMBO NO MORRO DO VIGIA
enviar para um amigo
receba notícias
A OBRA DO MEMORIAL DO QUILOMBO, QUE FAZ PARTE DO CIRCUITO CULTURAL DO MUNICÍPIO DE CRISTAIS, TEM PREVISÃO DE CONCLUSÃO PARA O DIA 04 DE JUNHO DE 2022
A Secretária Municipal de Educação e Cultura, Vanuza Fagundes França, acompanhada do arquiteto, Rodrigo Pires, segue visitando a obra no Morro do Vigia, um local definido por ter uma grande riqueza cultural.

A obra segue a todo vapor, e tem como meta ser findada no dia 04 de junho próximo, ou seja, o Dia da Emancipação Política do Município de Cristais, e permitirá turismo por meio daqueles que fizerem o Circuito Cultural já inaugurado, um trajeto que contempla Templos Religiosos e demais atrações culturais e turísticas.

 A História de Minas Roubada do Povo, o pesquisador Tarcísio José Martins demonstrou que o “Quilombo do Ambrósio”, fundado em 1726 e atacado em 1746, quando teria sido morto o Rei Ambrósio, ficava em Cristais-MG e foi o maior e mais duradouro quilombo de Minas Gerais. O de Ibiá-MG foi o segundo Quilombo do Ambrósio, atacado somente em 1759. Na verdade, o Rei Ambrósio só veio a ser contado entre os mortos em 1759, porém sua morte teria se dado no Quilombo da Pernaíba, em território da atual cidade de Patrocínio-MG.

​Propõe-se para o Morro do Quilombo ou Morro do Vigia, como é conhecido na região, um espaço aberto ao público que busca retratar a religiosidade local e a ascensão do Rei Ambrósio no município vencendo a luta contra a escravidão, buscando um caminho para a liberdade. Além da representatividade histórica, cultural e religiosa, o Morro do Quilombo apresenta outras potencialidades, como a bela vista panorâmica para as divisas territoriais do município e também o nascer e o pôr-do-sol local.  Visto isso, o projeto proposto busca explorar tais fatores e proporcionar aos usuários uma experiência de contemplação, reflexão e oração.


 
Fonte: SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA
Autor: ASSESSORIA DE IMPRENSA
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia